PROGRAMAÇÃO
PROGRAMAÇÃO
Notícias
Dragão do Mar recebe mostra virtual de artes cênicas a partir de quarta-feira (27)
Até sábado (30), o complexo cultural exibe seis produções que integram o Festival das Artes Cênicas Cena Ceará, entre cenas curtas e espetáculos. Obras permanecem disponíveis por 72 horas após a estreia.
22/10/21 às 18h46

O espetáculo "O Arrebatamento", da Cia As 10 Graças da Palhaçaria, será exibido na quinta (28). Foto da 202B Audiovisual

 

     Complexo cultural da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará gerido em parceria com o Instituto Dragão do Mar, o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura recebe, a partir da próxima quarta-feira (27), a 10ª edição do Festival das Artes Cênicas - FAC Cena Ceará -, que este ano encerra o ciclo 2020/2021 celebrando as produções cearenses de Teatro, Circo e Dança com uma mostra virtual. Nos dias 27, 28 e 30 de outubro, o canal do Dragão no YouTube (youtube.com/dragaodomarcentro) exibirá seis produções cênicas, entre cenas curtas e espetáculos, sempre a partir das 21h. As apresentações poderão ser conferidas até 72 horas após cada estreiaOutras exibições do Festival também podem ser conferidas nos canais do Porto Dragão (youtube.com/portodragao) e do Festival das Artes Cênicas.

     As transmissões serão comandadas por Patrícia Dawson, atriz, performer, apresentadora, artista multilinguagens, integrante do coletivo As Travestidas. Para esta edição, o FAC Cena Ceará apresenta na programação um olhar para a produção cearense em Artes Cênicas, com estreias entre 2020 e 2021, considerando o contexto de pandemia que atravessa a criação da obra.


 

Sobre os espetáculos


 LAVA - Foto Gonçalves Vicente e Suzana Carneiro Souza


"LAVA", da dePRETO PRODUÇÕES ARTÍSTICAS

Trata-se da primeira parte de cinco episódios da série de videodança "Sobre o Belo". Produzido durante a pandemia de Covid-19, é uma narrativa cênica em louvor à liberdade. É um manifesto à vida, ao corpo preto feminino. É a abertura de um espaço-tempo no caos para desaguar as dores, limpar as feridas, cessar o peso das águas represadas nas têmporas.
Classificação: Livre
Duração: 6min
Ano de estreia: 2020
Ficha Técnica
Produção: dePreto Produções Artísticas e Lucivânia Lima
Concepção, direção e intérpretes: Lucivânia Lima e Suzana Carneiro
Sonotécnica: Alda Maria
Câmera: Emanoel Siebra, Gonçalves Vicente e Suzana Carneiro
Edição e Montagem: Danyllo Camilo

 

 

 Foto: Té Pinheiro 

 "Lança Cabocla", da Plataforma Lança Cabocla


Lança Cabocla é um processo que busca criar, em comum acordo com outras cosmologias, "seres interessantes que têm uma perspectiva sobre a existência." Pesquisar um dançar aparição com as plantas de proteção, aliada às danças de caboclo, dançar uma defesa preparada para um ataque. Aparição dançante multimídia que em travessias constrói corpos que assentam em vida-morte-vida. Entre o escuro e o invisível encontra macumbarias dançantes sonoras, maiores que o feitiço da pólvora e das políticas de morte.
Classificação: 14 anos
Duração: 60 a 70min
Ano de estreia: 2021
Ficha técnica
Performers-macumbeires: Tieta Macau, Abeju | Juliana Rizzo e Elton Panamby
Tutoria: Inaê Moreira

 


 Foto: Igor Cavalcante


"EL Sudakon: Na Faixa", do Coletivo Os Desconhecidos


Todo mundo já viu um artista de rua na faixa de pedestre. Bem ali, na frente dos carros, mostrando habilidade e destreza, ganhando a atenção do público e os encantando com espetáculos de 45 segundos. Todo dia em algum cruzamento da sua cidade um artista ganha a vida mostrando seu talento quando a luz vermelha acende.
Classificação: Livre
Duração: 03min
Ano de estreia: 2021
Ficha Técnica
Direção: Rafael Flores
Figurino e produção: Cris Rodrigues
Filmagem e fotografia: David Santos

 

 

 Foto: 202b Filmes e Bluz Filmes

"O Arrebatamento", da Cia. As 10 Graças da Palhaçaria
 

Teatro dá dinheiro? Qual o preço do sucesso? Um grupo de artistas em ascensão esconde por trás de suas festas e alegrias as contradições de se viver em coletivo. Todo carnaval tem seu fim e, a cada queda, um recomeço. O que está desmoronando durante oito anos pode dar lugar finalmente a luz e a felicidade plena, a libertação, o alívio da verdadeira plenitude. O Grupo As 10 Graças abre as suas portas e os corações rumo ao arrebatamento. Um caminho sem volta.
Classificação: Livre
Duração: 50min
Ano de estreia: 2020
Ficha técnica
Roteiro: David Santos, Igor Cândido e Alysson Lemos
Direção: David Santos
Fotografia: 202b Filmes e Bluz Filmes
Elenco: David Santos, Lissa Cavalcante, Alysson Lemos, Edivaldo Ferrer, Rayane Mendes, Igor Cândido
Agradecimentos: Eduardo Show da Vida, Palhaço Colorau, João Victor, Cris Rodrigues, Rafael Sudaka, Carol Holanda


 


 Foto Jaque Rodrigues
 

 "Ausências", do Coletivo Atuantes em Cena


Existir como ser humano é uma batalha árdua, sobretudo quando o simples "estado de ser o que somos" entra em desalinho com o que é preestabelecido socialmente. A produção em vídeo "Ausências" surge de questões levantadas pelo Coletivo Atuantes em Cena a partir da montagem do espetáculo "Existe Sempre Alguma Coisa Ausente". Com esse projeto, discutimos sobre o "estar" no mundo em tempos de pandemia. Apesar das ausências que sentimos, precisamos continuar existindo na presença/mundo.
Classificação: Livre
Duração: 4min
Ano de estreia: 2020
Ficha Técnica
Produção: Coletivo Atuantes em Cena
Intérpretes Cena: Bárbara L. Matias, Edceu Barboza, Emanoel Siebra, Francisco Francieudes, Lucivânia Lima, Nilson Matos.
Edição: Danyllo Camilo.



 

 Foto Tim Oliveira

"O Fantástico Circo do Artista da Fome", do Cangaias Coletivo Teatral

A apresentação traz um número especial: o show de um aclamado artista, jejuador profissional, que possui a capacidade de não se alimentar durante quarenta dias. Em meio à apresentação, a relação entre artista e obra se desvia para um relato sobre ofício e sobrevivência - um olhar metafórico sobre o lugar do artista na sociedade.
Classificação: 12 anos
Duração: 60min
Ano de estreia: 2020
Ficha técnica
A partir da obra "Um artista da fome" de Franz Kafka
Atuação e encenação: Luís Carlos Shinoda
Dramaturgia: Luis Carlos Shinoda e Rafael Barbosa
Orientação artística: João Andrade Joca
Produção executiva e contrarregragem: Gabi Gomes
Figurino: Dami Cruz
Iluminação: Raí Santorini
Criação e confecção máscara: Cláudio Magalhães e Izabel Vasconcelos (Epidemia de bonecos)
Cenário e cenotecnia: Klebson Alberto
Trilha sonora original: Léo Lanter
Sonoplastia: Luís Carlos Shinoda
Identidade Visual: Tim Oliveira
Fotografia: Marina Cavalcante e Tim Oliveira
Produção e realização: Cangaias Coletivo Teatral

 

 

PROGRAMAÇÃO

 

27 de outubro (quarta-feira)


21h - [Festival das Artes Cênicas Cena Ceará]
Cena Curta: "Lava", da dePreto Produções Artísticas, e Mostra de Espetáculo: "Lança Cabocla", da Plataforma Lança Cabocla
No Youtube do Dragão

 

28 de outubro (quinta-feira)

21h - [Festival das Artes Cênicas Cena Ceará]
Cena Curta: "El Sudakon: na faixa", do Coletivo Os Desconhecidos, e Mostra de Espetáculo: "O Arrebatamento", da Cia. As 10 Graças da Palhaçaria
No Youtube do Dragão

 

30 de outubro (sábado)

21h - [Festival das Artes Cênicas Cena Ceará]
Cena Curta: "Ausências", do Coletivo Atuantes em Cena, e Mostra de Espetáculo: "O Fantástico Circo Teatro do Artista da Fome", do Cangaias Coletivo Teatral
No Youtube do Dragão

 

 

FAC Cena Ceará 2021

 

     A ideia principal do FAC é dialogar e colaborar com a sustentabilidade dos grupos artísticos do Ceará. A Convocatória da Mostra de Espetáculos do FAC Cena Ceará 2021 recebeu 102 inscrições, sendo 62 para mostra de espetáculos (destas, 48 de teatro, 8 de dança e 6 de circo), e 40 para cenas curtas, distribuídas em 14 de teatro, 6 performances, 7 de dança, 9 de circo e 4 de outras linguagens.

     O festival contou com uma curadoria diversificada, que ponderou aspectos estéticos e a transversalidade de temas como representatividade e descentralização como critérios para a seleção. Na Comissão de Curadoria estão Ana Caroline, artista circense, piauiense radicada no Amapá, Rita Aquino, artista e educadora em Dança, carioca radicada na Bahia, e Dane de Jade, atriz-pesquisadora e arte educadora do Ceará. As curadoras analisaram as linguagens de Circo, Dança e Teatro, respectivamente. Todas as produções selecionadas são cearenses.

     Paralelo à Mostra, o FAC realiza atividades pedagógicas, através de mediação cultural em escolas livres de artes, realizando debates sobre cultura e produção artística, preparando a plateia jovem para assistir aos espetáculos.

     A Mostra  de Espetáculos FAC Cena Ceará 2021 conta com os patrocínios do Itaú e Instituto Aço Cearense e parcerias do Hub Cultural do Ceará, Centro Cultural Porto Dragão, Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, Instituto Dragão do Mar, da Secretaria de Cultura do Estado do Ceará (Secult Ceará) e Governo do Ceará. A realização é da Ato Marketing Cultural, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo e Governo Federal - Pátria Amada Brasil.

 

Serviço: Dragão do Mar apresenta "Mostra de Espetáculos do Festival das Artes Cênicas Cena Ceará"
Dias 27, 28 e 30 de outubro de 2021
Horário: 21h
Local: Canal do Dragão do Mar no YouTube (youtube.com/dragaodomarcentro)
Disponíveis até 72 horas a partir da estreia
Mais informações: www.dragaodomar.org.br

 

 

PARCEIROS