Atenção:  É obrigatória a apresentação de documento que comprove o parentesco do responsável com a criança menor de 10 (dez) anos de idade no ato de compra do ingresso de qualquer evento/espetáculo do Centro Dragão do Mar. Esta é uma determinação da Justiça do Estado.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PONTOS DE CULTURA

 

 

 

Lançamento do projeto Cultura no Ponto


A Rede Cearense de Pontos de Cultura em parceria com o Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura apresenta espetáculos em várias linguagens artísticas, a partir do segundo semestre, no Espaço Rogaciano Leite Filho. É o projeto Cultura no Ponto, que, de 15 em 15 dias, trará grupos artísticos para se apresentarem no Dragão. O projeto, bem como toda sua programação, será lançado no dia 31 de agosto. Para o lançamento, estão previstas apresentações da Banda de Lata Criança Feliz e o lançamento do livro "De Quixeramobim a Belo Monte - Olhares sobre Antônio Conselheiro", do IPHANAQ (Quixeramobim).

Dia 31, a partir das 18h, no Auditório e Espaço Rogaciano Leite Filho. Acesso gratuito.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


FEIRAS

 

 


Feira Cordel com a Corda Toda
A Feira Cordel com a Corda Toda é um evento da Associação de Escritores, Trovadores e Folheteiros do Estado do Ceará (AESTROFE). A feira ocorre enquanto é realizado o recital com os principais expoentes da Literatura de Cordel na atualidade. Os artistas declamarão versos autorais e de vários outros poetas populares.
Dia 24, a partir das 17h, no Espaço Rogaciano Leite Filho. Acesso gratuito.

 

 

 

 

Fuxico no Dragão

Pensado para quebrar a rotina de marasmo do domingo, o Fuxico do Dragão promove encontros semanais com feira, comida e música, sempre ao cair do sol. A feirinha tem artigos de design, moda, produtos terapêuticos e gastronômicos desenvolvidos por jovens artesãos da cidade. São mais de 20 expositores. Para criar o clima perfeito, a música é sempre uma atração à parte.

Todo domingo, das 16h às 20h, na Arena Dragão do Mar. Acesso gratuito.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CIRCUITO DE MÚSICA ERUDITA

 

 

Sax in Cena
Primeiro quarteto de saxofones profissional do Ceará, o grupo Sax in Cena apresenta obras de compositores franceses e peças de Alberto Nepomuceno.
Dia 10, às 18h, no Auditório. Ingressos: R$ 4 e R$ 2 (meia).

 

 

Quarteto Cearense
O Quarteto Cearense volta ao Dragão do Mar com mais um belo repertório que vai do barroco ao contemporâneo. O grupo é parte dos músicos de cordas da Orquestra de Câmara Eleazar de Carvalho.
Dia 24, às 18h, no Auditório. Ingressos: R$ 4 e R$ 2 (meia).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

MÚSICA E TEATRO

 

 

GERO CAMILO FAZ MASTER CLASS E SHOW DE LANÇAMENTO DO "MEGATAMAINHO"

 

Ator, poeta e escritor, o cearense Gero Camilo apresenta masterclass "O ATOR CRIADOR: EXPERIÊNCIA E FORMAÇÃO", na sexta-feira, dia 1, às 18h, no pátio interno do Porto Iracema das Artes; e lança o disco "MEGATAMAINHO", no sábado, dia 2, às 20h, no Anfiteatro do Dragão. As duas apresentações serão realizadas no Porto Iracema das Artes em virtude da abertura das comemorações de um ano da escola.


 

 

SOBRE O MASTER CLASS
"O Ator Criador: experiência e formação" // Gero Camilo abordará suas experiências com ator, dramaturgo e multiartista, que transita entre o teatro e o cinema, apontando como se deram seus processos formativos na relação com o fazer, bem como indicando de que maneira seu trabalho de ator é permeado pelas diversas linguagens artísticas e vice-versa.

Dia 1, às 18h, no pátio interno do Porto Iracema das Artes. Gratuito.

 

 

 

SOBRE O ÁLBUM
Um artista inquieto, pulsante, repleto de misturas e ritmos. Este é Gero Camilo, artista consagrado que lança agora em 2014 seu mais recente álbum, batizado "Megatamainho". Nele, Gero nos presenteia com sua rica e diversa bagagem artístico-musical, revelando novas possibilidades, sonoridades e imprimindo com personalidade este caldeirão repleto de ritmos, formas e misturas.

 

"Megatamainho", segundo álbum de Gero Camilo, traz 12 faixas autorais e composições em parcerias com grandes nomes da música brasileira como Otto, Rubi, Luis Caldas e Vanessa da Matta. Nomes estes que são apenas algumas das iguarias presentes neste verdadeiro caldeirão sonoro. Este novo trabalho ganha ainda mais vigor com a presença das Orquídeas do Brasil - reverenciando Itamar Assumpção - Rumbanda (as meninas de Peixinhos), a bateria vigorosa e pulsante de Hugo Carranca, as guitarras mágicas de Estevan Sinkovitz, Djalma Rodrigues e Bruno Freire, o cello de João Carlos, o João do Cello, a sanfona de Livia Mattos, Clayton Barros no violão e viola doze cordas, além de Jô do Vale (Rhodes), e uma música inédita de Criolo.

 

Para completar esse "Bando" - como define o próprio Gero Camilo - Megatamainho" conta ainda com Zé Cafofinho, alter ego do multi-instrumentista pernambucano Tiago Andrade. Sob uma ótica poética bastante peculiar, o músico imprime ainda mais vigor às canções, utilizando instrumentos do cancioneiro popular como a rabeca, viola de arco, banjo e bandolim. Destaque ainda para os batuques atmosféricos e sagrados de Toca Ogan, Marcos Axé, Malê e Nino Silva. Para conectar todos estes elementos com sabedoria e magnitude, o maestro Bactéria, que assina a produção musical do disco. "Bac" como é conhecido no meio artístico, tem grande representação e importância na música brasileira, sobretudo no manguebeat, onde é "sócio-fundador". Também tocou durante 18 anos com a banda Mundo Livre S/A e atualmente integra a banda do pernambucano Otto.

 

A continuidade deste delicioso trabalho se dá no palco, no show "Megatamainho", tão pujante e vital quanto o disco. O público é o grande privilegiado em poder beber, ao vivo, nestas fontes artísticas tão diversas. Tudo isso no maior e melhor templo para qualquer artista, o palco. Um dos grandes nomes do teatro, cinema, literatura e televisão, Gero Camilo nos permite agora embarcar nesta deliciosa viagem e visitar em "Megatamainho" um pouco da sua multi-facetada carreira artística, em um show que nos permite dançar, sorrir, pensar, cantar e viajar. Seja bem vindo ao "Megatamainho".

Dia 2, às 20h, no Anfiteatro do Dragão do Mar. Gratuito.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

MÚSICA

 

 

 

 

FEIRA DA MÚSICA

 

 

Lançamento XIII Feira da Música

 

 

Dia 21
Bass Drum of Death (EUA)
Orquestra Retratos do Nordeste (PE)
+ Banda Local

 

 

Dia 22
Mushi Mushi Orquesta (Uruguai)
Orquestra Tambores de Alagoas (AL)
+ Banda Local

 

 

Shows (bandas confirmadas até o momento): dias 21 e 22, às 20h, na Praça Almirante Saldanha. Acesso gratuito.

 

Palestras e Workshops: de 20 a 22, a partir das 14h, no Auditório. Acesso gratuito.

 

Exposição de Equipamentos: de 20 a 22, das 14h às 19h, no Espaço Mix. Acesso gratuito.

 

 

 

 

 

 

 

MOSTRA BOM JARDIM

 

 

Prévia For3 Rock [Mostra Bom Jardim]
Bandas Intrusor e Faces of War
FORT3 é um evento aberto para apresentação de bandas de Fortaleza e convidados de outras regiões. O festival foi feito para valorizar os espaços públicos e culturais e a interação entre jovens de todas as idades nesses espaços.
Dia 16, às 19h, no Espaço Rogaciano Leite Filho. Acesso gratuito.

 

 

 

 

 

Swingando com Black.CE [Mostra Bom Jardim]
O sambarock, o sambafunk e o soul revelaram e consagraram grandes artistas que influenciaram na criação do trabalho desenvolvido pela Black.Ce. Nomes como Jorge Ben, Wilson Simonal, Tim Maia e os contemporâneos Seu Jorge, Jair Oliveira e Ed Mota são de grande influência no estilo da banda. Com o swing desses artistas que sempre animaram as pistas de dança dos anos 70, somado a criatividade sonora da Black.CE, só resta a você aceitar o nosso convite, vamos dançar?
Dia 17, às 19h, no Espaço Rogaciano Leite Filho. Acesso gratuito.

 

 

 

 

 

 

 

POLIFONIAS [Programa da Temporada de Arte Cearense]

Shows de Felipe Rima e The Bridge

 

 

Felipe Rima - com show "Verso e Vida"
Felipe Rima, jovem cearense, escritor, rapper, empreendedor social e produtor cultural. Junto à sua equipe apresenta um trabalho que vem se desenvolvendo em âmbito nacional. Com apresentações de workshops, palestras, shows que, somados, já foram assistidos por mais de 10 mil pessoas pelo Brasil.

 

Depois de lançar o projeto "Entre o Batuque do Coração e a Poesia da Vitória", o também educador Felipe Rima viajou pelo Brasil musicando sentimentos e poetizando a vida, chegando inclusive a lançar seu CD em Buenos Aires, na Argentina. Guiado por sonhos, um ano e cinco meses após o lançamento, atinge a marca de mais de 3 mil cópias do CD, vendidas de mão em mão.

 

Chegou a conquistar para o Ceará em 2011 o prêmio internacional "Soluções Poshitivas", em parceria com a Mac Ainds Funds, MTV America Latina e Ashoka, que premiaram as iniciativas inovadoras e de maior impacto no combate ao HIV/AIDS. O prêmio lhe rendeu a inserção de sua música "Batuque do Coração" no Documentário "Viralistas", exibido em 4 países da América Latina pela MTV, além de ter sido reconhecido publicamente como um dos empreendedores juvenis de destaque na América latina.


 

The Bridge
Grupo formado em 2012 com a proposta de fundir o jazz com a música instrumental brasileira. A ideia do trabalho foi baseado com o pretexto de criar novas roupagens sonoras a peças do repertório standard do jazz e da música instrumental brasileira além de ser um veículo para a criação e execução de composições inéditas dos componentes do grupo. O grupo já participou dos festivais Ceará Instrumental e Festival de Jazz e Blues de Guaramiranga onde fizeram um tributo a Dave Brubeck.

Dias 16 e 17, às 20h, no Anfiteatro. Ingressos: R$ 4 e R$ 2 (meia). No programa Polifonias, os dois artistas sobem ao palco na mesma noite, mas em momentos diferentes.

 

 

 

 

 

TRIBUTO

 

 

Jardim Suspenso interpreta Rita Lee
Show "Rita Lee, 50 anos com Esse Tal de Rock´n Roll"

No ano em que se comemora 50 anos de carreira da roqueira Rita Lee, os 40 anos de seu primeiro disco com a banda Tutti Frutti – Atrás do Porto tem uma Cidade - e os quatro anos de criação da banda Jardim Suspenso, o grupo cearense apresenta um show especial percorrendo as fases de Rita Lee.
No palco, o Jardim Suspenso recebe convidados especiais para  festejar Rita Lee e a música: Renegados, Patrícia Alice, Marisol Senese, Elpídio Nogueira e Elaine Sales, ambientados pelos vídeos-cenários da artista plástica Renata Holanda.
Dia 9, às 20h, no Teatro Dragão do Mar. Ingressos: R$ 10 e R$ 5 (meia).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

TEATRO

 

 

 

 

TEATRO DA TERÇA [Programa da Temporada de Arte Cearense]

 

Pássaro de voo curto

Cia. Entremeios de Teatro – Direção: Mauro César
A peça teatral "Pássaro de voo curto", de Alcione Araújo, aborda o tema sócio-cultural-religioso retratado por uma família do meio rural de classe baixa. Antônio e Elvira evidenciam o conflito: sobrevivência (humilhante condição imposta em um sistema capitalista) versus utopia (ascensão condizente com este mesmo sistema), interrompido pela corajosa atitude de fuga do seu filho Totonho, numa tentativa de modificar essa realidade. Diante do perfil cultura, família, religião e sociedade, que reflexão se pode salientar nessa posição? Serão o sistema e a mídia as causas determinantes do enfraquecimento desse perfil? Essa ênfase é registrada na concepção naturalista/simbolista do espetáculo, enfatizando o psicológico das personagens.
Dias 12 e 19 de agosto, às 20h, no Teatro Dragão do Mar. Ingressos: R$ 4 e R$ 2 (meia). Classificação: 16 anos.

 

 

 

 

 

 

TEATRO INFANTIL [Programa da Temporada de Arte Cearense]

 

"O Circo sem teto da lona furado dos Bufões"

Grupo Dona Zefinha – Direção: Orlângelo Leal
"O Circo sem Teto da Lona Furada" é o picadeiro dos Bufões. Um musical infantil que traz a energia do popular circo mambembe nordestino. Os musicômicos regem a charanga tocando instrumentos exóticos, brincando com a plateia, num tom despojado e teatral. Canções, palhaçadas, piruetas, mágicas, pernas de pau e outras "cositas"... Mesmo quando as atrações não passam de uma grande furada!
Dias 10, 24, 30 e 31, às 17, no Teatro Dragão do Mar. Ingressos: R$ 4 e R$ 2 (meia). Classificação livre.

 

 

 

 

 

 

Espetáculo "GUERRA, FORMIGAS & PALHAÇOS"
Caravana Estação Nordeste - Grupo Estação de Teatro
Voltado para o público adulto e com texto de César Ferrario, o espetáculo é conduzido pelos atores Rogério Ferraz, Enio Cavalcante e Pedro Queiroga. Com forte teor político e filosófico, sem abrir mão da ludicidade, da subversão e da comicidade, o espetáculo conta a saga de dois militares, últimos remanescentes de um batalhão de combate, que se encontram perdidos em uma guerra à espera de reforços. Porém, quando todas as saídas parecem se fechar, um fato inusitado acontece: o batalhão de dois homens finalmente se depara, estupefato, diante daquele que pode carregar o último fio de esperança.



SOBRE O GRUPO
O Grupo Estação de Teatro surgiu em 2009, na cidade de Natal/RN, formado pelos atores Rogério Ferraz, Nara Kelly, Caio Padilha e Manu Azevedo. Comprometidos com a qualidade artística e o respeito ao público, iniciaram uma pesquisa em contação de histórias, que resultou em dois espetáculos infantis, intitulados "Em Cada Canto Um Conto" e "Estação dos Contos". A montagem mais recente do grupo é o espetáculo "Guerra, Formigas e Palhaços", dessa vez voltado para o público adulto. Este projeto foi contemplado com o Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz 2013.


Dia 7, às 20h, no Teatro Dragão do Mar. Acesso gratuito. Classificação: 12 anos. Mais informações: www.caravanaestacaonordeste.blogspot.com.br.

 

 

 

 

 

 

 

Espetáculo "Caio e Léo" [TEATRO ADULTO]
Outro Grupo de Teatro - Texto: Rafael Martins/ Direção: Yuri Yamamoto
Completando três anos de atuação, o Outro Grupo de Teatro entra em cartaz com o espetáculo Caio e Léo, nos dias 2 e 3 de agosto, no Teatro Dragão do Mar. Projeto do Laboratório de Pesquisa Teatro da Escola Porto Iracema das Artes, no ano de 2013-2014, a peça é parte das comemorações de um ano de existência da instituição. No elenco estão Ari Areia e Tavares Neto, interpretando um texto de Rafael Martins, sob direção de Yuri Yamamoto. O trabalho contou com a supervisão do ator e encenador Gilberto Gawronski (RJ).

 

Para um deles, no começo, há entraves que impedem um mergulho mais desimpedido... “Até que o vento muda o rumo dessa história”. Léo é fotografo, e Caio é consultor de planejamento. Universos diferentes, com características quase opostas, e permeados por detalhes instigantes que são revelados ao longo da peça e que acabam despertando o interesse e o desejo de um pelo outro.

 


O espetáculo se propõe a ir além do mero romance, tocando em questões mais profundas. Na verdade, a obra lança mão do acontecimento amoroso entre os personagens para falar sobre tempo, afetividade e sexo. Esses aspectos vão se desenhando no palco e tomando contornos fortes, pelo tesão, sarcasmo e até agressividade dessas duas figuras masculinas que, em cena, também se mostram sensíveis.


Dias 2 e 3, às 20h, no Teatro Dragão do Mar. Ingressos: R$ 8 e R$ 4 (meia).

 

 

 

 

 

Cacos de Família [TEATRO ADULTO]
Texto e Direção: Carri Costa
Uma SÁTIRA DA VIDA REAL tipicamente brasileira, encenada por uma trupe de comediantes dispostos a seduzir pelo riso. Essa é a mais recente comédia da Cia. Cearense de Molecagem em seus 20 anos de bom humor. Uma simples gravação de programa de televisão torna-se uma verdadeira comédia. Casos complicados, conflitos familiares, deboche e muita graça passam a conduzir aquela louca atração televisiva. Tendo uma temperamental apresentadora capitaneando as situações, plateia e personagens são levados a entrar no calor das emoções e histórias muito loucas: Amantes arrependidos, casais trocados, desvios de conduta, personalidades de frágil caráter, tribos mal amadas, uma plateia palpiteira e uma apresentadora alucinada, vão fazer dessa gravação algo pra lá de surpreendente.
Dias 2 e 3, às 22h, no Teatro Dragão do Mar. Ingressos: R$ 20 e R$ 10 (meia).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

DANÇA

 

 

III Seminário Dança Teatro Educação 2014 - "O corpo do corpo no corpo"

A realização do Seminário Dança Teatro Educação (SDTE) é uma iniciativa conjunta dos cursos de Licenciatura em Dança e de Licenciatura em Teatro do Instituto de Cultura e Arte (ICA) da Universidade Federal do Ceará (UFC). O curso de Teatro teve início no ano de 2010 e o de Dança no ano de 2011.

 

 

Trata-se assim de dois cursos novos, com propostas importantes que impulsionaram a realização da primeira edição do Seminário no ano de 2011, cujos objetivos tiveram como princípios alargar a reflexão centrada nos aspectos que envolvem o ensino e aprendizagem do Teatro e da Dança nas escolas públicas e privadas; discutir as políticas de educação voltadas para os licenciados em Dança e Teatro; pensar a educação relacionada à experiência estética e especialmente no caso da Dança e do Teatro, onde saberes e práticas inscritos na experiência corporal são ativados na/pela prática pedagógica.

 

 

Com base nessa primeira experiência do Seminário, na qual recebemos palestrantes do Sudeste e Nordeste, bem como graduandos, mestrandos, pesquisadores e artistas das demais regiões do país, tivemos a concretude da necessidade de sua existência continuada não somente para o contexto local, mas sobretudo a nível nacional. O entendimento do Teatro e da Dança como área do conhecimento vai além de formas de entretenimento que se valem de experiências do movimento. A Dança e o Teatro são áreas privilegiadas para fomentar o trabalho, a discussão e a problematização da pluralidade cultural em nossa sociedade, bem como para promover a interdisciplinaridade.

 

 

O aspecto formativo do seminário envolve a realização de oficinas, apresentações científico-artísticas e conferências propostas por profissionais renomados e politizados no ambiente da arte e da educação. As apresentações científico-artísticas acontecem por meio de convocatórias de trabalhos de pesquisa, aproximando alunos de graduação e pós-graduação, professores em dança e em teatro da rede de ensino formal e não-formal e artistas que possam trazer para a programação do Seminário seus modos de atuação com a docência artista.

 

 

Interessado em potencializar a aproximação entre os futuros licenciados, professores da rede pública de ensino, universidade e escola básica, este seminário tem também como proposta constituir parcerias frutíferas através da promoção do encontro entre os profissionais da arte e da educação com os órgãos públicos competentes pela cultura e educação no Brasil, bem como do diálogo com as leis, parâmetros e planos governamentais voltados à arte/educação no contexto da Dança e Teatro no Brasil.


Dia 6 a 10 de agosto de 2014. Site: www.seminariodte.ufc.br.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CIRCO

 

 

DOMINGO NO CIRCO [Programa da Temporada de Arte Cearense]

 

Junta tudo e não joga fora!

Companhia Itinerante de Malabares – CIM
O espetáculo se propõe a apresentar ao público infantil as diversas atividades circenses pesquisadas pelo grupo, reunindo malabarismo, música, dança, acrobacia, equilibrismo, palhaços, entre outras performances lúdicas.
Dias 17 e 31 de agosto, às 17h, na Praça Verde. Acesso gratuito.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

EXPOSIÇÃO

 

Refrações na paisagem [Programa da Temporada de Arte Cearense]
O projeto curatorial da exposição "Refrações na paisagem" consiste em uma exposição coletiva composta por 8 artistas: Waléria Américo, Naiana Magalhães, Cris Soares, Katalina Leão, Donna Conlon, Leo Ayres, Clara Ianni e Carlos Mélo, onde se traça um eixo de produção artística contemporânea, que reinventa a noção de paisagem, conceito muito marcante na história da arte.

  De 28 de agosto a 28 de setembro, na Multigaleria. Acesso gratuito. Visitação: Terça a sexta, das 9h às 19h (acesso até as 18h30) e sábados e domingos (e feriados), das 14h às 21h (acesso até as 20h30).

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PLANETÁRIO RUBENS DE AZEVEDO


Foto: Marina Cavalcante

 

O Planetário Rubens de Azevedo é um espaço de entretenimento e formação pedagógica através de caráter transdisciplinar em Astronomia.

Sessões:

O ABC do Sistema Solar
Em uma nave imaginária crianças fazem uma viagem pelo Sistema Solar. Durante a viagem elas aprendem sobre a mitologia das constelações e as lendas astronômicas. 30min.

Nos Limites do Oceano Cósmico
Usando o poder da nossa imaginação, viajaremos pelo espaço a uma velocidade próxima a da luz até o limite do universo visível, e com a ajuda do planetário, veremos de perto a nossa galáxia e grupos de galáxias muito distante de nós. Será que o universo tem fim? O que vemos no céu é uma ilusão? Você verá que o universo está em expansão e novas estrelas estão surgindo a todo instante.

Explorando o Universo
Venha se aventurar numa fascinante viagem pelo universo, e com Galileu conheceremos os segredos do céu e suas descobertas científicas para o progresso da ciência. 40min.

Origens da Vida
Mergulhando no desconhecido, e a partir das profundezas do oceano, descobriremos as origens da vida em nosso planeta. Através do tempo e espaço viajaremos até o nascimento das primeiras estrelas. 30min.

 

Sessões às quintas e sextas-feiras:

18h - Explorando o Universo
19h - Nos Limites do Oceano Cósmico
20h - Origens da Vida


Sessões aos sábados e domingos:

17h - ABC do Sistema Solar
18h - Explorando o Universo
19h - Nos Limites do Oceano Cósmico
20h - Origens da Vida

 


Noite das Estrelas

Quando a lua está na fase quarto crescente, o Planetário Rubens de Azevedo disponibiliza telescópio para observação astronômica. O público observa crateras lunares, planetas, fenômenos astronômicos e outros objetos celestes.

Dias 9 e 10, às 19h, em frente ao Planetário. Acesso gratuito.

 

 

Atenção:  É obrigatória a apresentação de documento que comprove o parentesco do responsável com a criança menor de 10 (dez) anos de idade no ato de compra do ingresso de qualquer evento/espetáculo do Centro Dragão do Mar. Esta é uma determinação da Justiça do Estado.

 

 

 

 

 


CINEMA DO DRAGÃO - FUNDAÇÃO JOAQUIM NABUCO

 

A programação regular do Cinema do Dragão - Fundação é definida semanalmente, numa parceria entre a Fundação Joaquim Nabuco e a curadoria adjunta (Salomão Santana e Pedro Azevedo) e pode ser consultada na página do cinema neste site ou no blog www.cinemadodragao.com.br.

 

Informações: 3219.5899
www.dragaodomar.org.br
programacaocinema@dragaodomar.org.br
Twitter: @cinemadodragao
Facebook: Cinema do Dragão-Fundação


Ingressos na Bilheteria do Cinema do Dragão -Fundação R$ 12,00 (inteira) e R$ 6,00 (meia). A bilheteria funciona de terça a domingo, das 14 às 22h.

 

 

Agilize a sua entrada! Ao comprar ingresso através do site ingresso.com, imprima o comprovante/ingresso de compra e dirija-se diretamente à entrada do Cinema do Dragão, sem necessitar fazer a troca na bilheteria. É mais prático e rápido. Experimente.

 

 

Também têm direito à meia da meia-entrada, no valor de R$ 3,00, estudantes da Escola Porto Iracema das Artes e da Escola de Artes Thomaz Pompeu Sobrinho e alunos de audiovisual do Centro Cultural Bom Jardim, da UFC, UNIFOR e da Vila das Artes, mediante apresentação de comprovante de matrícula.

 

 

 

 

 

 

 

MÚLTIPLAS LINGUAGENS

 

Planeta Capoeira
Todas as sextas, às 19h30, na Arena Dragão do Mar. Acesso gratuito.

 


Sahaja Yoga
O A prática permite que a pessoa se identifique com o seu verdadeiro ser, abandonando os hábitos negativos para a evolução espiritual.
Todas as sextas, às 16h, no Bosque da Praça Verde. Acesso gratuito.

 

Encontro Cearense de Malabares
O encontro reúne jovens iniciantes e profissionais que exercem a prática dos malabares.
Todos os sábados, às 17h, na Praça Almirante Saldanha. Acesso gratuito.

 

5º Grupo Escoteiro do Ar Pinto Martins
De acordo com a faixa etária dos participantes, o grupo define as atividades de escoteirismo.
Todos os sábados, das 14h às 17h, no Bosque da Praça Verde. Acesso gratuito.

 

Feira Dragão Arte
Feira de artesanato fruto da parceria com Sebrae-CE e Siara-CE.
Todas as sextas, sábados e domingos, das 17h às 22h, ao lado do Espelho D'Água. Acesso gratuito.

 

Planeta Hip Hop
Grupos promovem exibições de dança e música hip hop.
Todos os sábados, às 19h, na Arena Dragão do Mar.


 

 



 

 

 

MUSEU DA CULTURA CEARENSE – MCC

 


O Museu da Cultura Cearense é um museu etnográfico que tem como proposta promover a difusão, a fruição e a apropriação do Patrimônio Cultural do Estado do Ceará, aplicando ações museológicas de pesquisa, preservação e comunicação, visando à inclusão e ao desenvolvimento sociocultural.

 

 

Exposições

 

 

 

 

 

Vaqueiros [Sala 4]

Foto: Marina Cavalcante

Exposição lúdica, de caráter didático, percorre o universo do vaqueiro a partir da ocupação do território cearense pela pecuária até a atualidade. Utiliza cenografia, imagens e objetos ligados ao cotidiano do vaqueiro.
Visitação de terça a sexta, das 9h às 19h; e aos sábados, domingos e feriados das 14h às 21h. Gratuito.

 

 

 

 

 

Agendamento de grupos para visitas às exposições

Núcleo de Ação Educativa

Partindo das especificidades de um museu etnográfico, o Núcleo de Ação Educativa do MCC objetiva formar educadores para atender ao público agendado e espontâneo. Composto por uma equipe multidisciplinar, realiza mediações com as mais variadas temáticas relacionadas à cultura popular trazidas pelas suas exposições.

Mediações
Os educadores do MCC proporcionam três tipos de mediações aos seus visitantes:

  • Mediação simples: mediação rápida, mais orientadora, destinada ao público não agendado e espontâneo. Duração de até 20 min.
  • Mediação ampliada: mediação problematizadora, formadora, que instiga o visitante a refletir de forma crítica sobre a exposição. Duração de até 01h30min.
  • Mediação com oficina: mediação mais prolongada, pois além de ter como ponto central a reflexão, nesta visita atividades de arte-educação são vivenciadas. Por exemplo: teatro de fantoche, desenho, contação de história, roda de conversa e oficinas de acordo com a exposição em cartaz. Duração de até 2hs.

 

O agendamento dos museus do CDMAC pode ser feito de segunda a sexta, das 13h às 18h.
Contato: (85)3488.8604
E-mail: agendamento@dragaodomar.org.br

 

 

 

 

 

 

MUSEU DE ARTE CONTEMPORÂNEA – MAC

 

 


Exposições

 



"Carneiro"

 

 

 

Está em cartaz no Dragão do Mar uma grande exposição inédita de arte cearense que ocupa todas as salas do Museu de Arte Contemporânea do Ceará e parte do Museu da Cultura Cearense, numa iniciativa pioneira de integração entre arte popular, arte moderna e arte contemporânea. É a exposição CARNEIRO. A Mostra reúne obras tradicionais e inéditas de mais de 50 artistas cearenses e a partir dessas obras vai discutir a sina do cearense: sair e voltar. A partir da ideia de projeção do sonho/desejo/acaso do outro lugar – narrativa cantada pela música "Carneiro", de Augusto Pontes e Ednardo – a exposição investiga questões como fluxo, trânsito, deslocamento, territorialização, desterritorialização, apego, desapego e afeto.

 

 

"Dessa forma, pontuamos como alguns artistas transpõem para suas poéticas elementos que evidenciam esses aspectos, sejam eles transcritos para o cinema, música, literatura, fotografia e artes visuais", explica Bitu Cassundé, curador do MAC-CE e da Exposição. Formada em sua maioria por acervo do Museu de Arte Contemporânea do Ceará e Governo do Estado do Ceará, a mostra evidencia um recorte da produção cearense que traz de Yuri Firmeza e Karim Aïnouz a obras de Raimundo Cela e Antônio Bandeira, passando por Efrain Almeida e fotografias raríssimas de Chico Albuquerque quando da visita de Orson Welles ao Ceará.

 

 

 

Visitação: terça a sexta, das 9h às 19h (com acesso até as 18h30); sábados, domingos e feriados, das 14h às 21h (com acesso até as 20h30). Gratuito.

 

 

 

 

 

 

Ações Educativas

Mediação a partir dos conteúdos das exposições para público espontâneo e agendado. A equipe é formada por Arte Educadores - universitários multidisciplinares - que desenvolvem ações de mediação com Escolas, Projetos, Universidades, ONGs e demais instituições interessadas em visitar o Museu e conhecer mais sobre Arte Contemporânea.

 

O agendamento dos museus do CDMAC pode ser feito de segunda a sexta, das 13h às 18h.

 

Biblioteca de Artes Visuais Leonilson

Espaço especializado em artes visuais com cerca de dois mil livros nas áreas de Fotografia, Design, Museologia, História da Arte, Arquitetura e Urbanismo, Moda e Arte Contemporânea.

Serviço gratuito, de terça a sexta, das 9h às 18h.

 

 

 


 

 

 

CENTRO DRAGÃO DO MAR DE ARTE E CULTURA

Rua Dragão do Mar 81, Praia de Iracema - CEP: 60060-390 - Fortaleza/CE - CNPJ: 02.455.125/0001-31
Informações gerais: 55 (85) 3488 8600 / 55 (85) 3488 8608