PROGRAMAÇÃO
PROGRAMAÇÃO
Programação
Pandemônios

Habitat ano II

 

O céu está cheio de nossos pedaços, a terra expulsa as nossas trevas e as vozes pesadas entre morrer e cantar, ressoam impulsivas na revolta do nosso passo.
Como numa ópera incandescente. Como numa nação compartida em diferentes cores.
Como numa fuga para ficar e imperar. Como nas correntes de oração e de sobreviventes.
Como naquilo que é maior que o mundo e é menor que o próprio coração.  Como no último grito que ainda não acabou. Todos, aqui, afinados e clandestinos, continuam vivos.

 

Ficha técnica:

Com Álvaro Renê, Ana Vitória, Ariza Torquato, Arquelano, Carlos do Valle, Cozilos Vivos, Daniele Teotônio, Felício da Silva, Felipe Querino, Georgea Nara, Iole Godinho, Isabelle Maciel, Jane Malaquias, Jônatas Joca, Melindra Lindra, Milza Gama, Phelipe Cruz MuMu, Rafael Abreu, Sol Moufer e Tayana Tavares. Texto: Ariza Torquato, Isabela Maciel, Felipe Querino, Lucas Galvino, Sol Moufer, Tayana Tavares Design gráfico: Tim Oliveira Ilustração: Felício da Silva Figurino: Geane Albuquerque Música: Arquelano, Victor Colares Assistência de direção: Lucas Galvino Direção: Andréia Pires Orientação: INQUIETA CIA.

 

 


Linguagem: Teatro
Local: Teatro Dragão do Mar
Dias: 07/08/19 às 20h00
         14/08/19 às 20h00
         21/08/19 às 20h00
         28/08/19 às 20h00
Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)
Classificação: Livre
As Malditas

Rei Leal Coletivo

 

As Malditas é uma tragicomédia baseada nas relações humanas, que traz à tona uma difícil relação de dependência mútua entre duas irmãs, Rosa e Margarida que a ironia do destino resolveu juntá-las na terceira idade sob o mesmo teto. Margarida a irmã mais velha, analfabeta, viúva e fanática religiosa se ver na obrigação de cuidar da irmã e da casa. Rosa professora universitária aposentada, apreciadora de música clássica, teve um acidente vascular cerebral (AVC) e se ver cadeirante dependente da irmã. Em comum elas só têm duas coisas: O mesmo sangue e o mesmo ódio. As duas se obrigaram a dividir um velho casarão por sete anos, onde o tempo e a idade trouxeram à maturidade frustrações, intolerância, incapacidade e quase sempre, uma companhia infernal uma a outra.

 


Linguagem: Teatro
Local: Teatro Dragão do Mar
Dias: 10/08/19 às 20h00
         11/08/19 às 20h00
         17/08/19 às 20h00
         18/08/19 às 20h00
Ingressos: R$ 20 (inteira) R$ 10 (meia)
Classificação: 12 anos
8 1/2 FESTA DO CINEMA ITALIANO 2019

O 8 1/2 Festa do Cinema Italiano é um evento organizado no Brasil pela Associação Il Sorpasso em colaboração com Mottironi Eventi e com o apoio institucional da Embaixada da Itália em Brasília, dos Institutos Italianos de Cultura de São Paulo e do Rio de Janeiro e do Cinecittà Luce. Além disso, conta ainda com a colaboração da rede de Consulados Italianos em todas as cidades que recebem o festival no Brasil. Em Fortaleza, a mostra é realizada no Cinema do Dragão à partir de 15 de Agosto.

 

A seleção traz várias premières nacionais. Entre os destaques, está Silvio e os Outros (Loro), a última obra do aclamado Paolo Sorrentino sobre Silvio Berlusconi. Entre as pré-estreia, estão Lucia Cheia de Graça (Troppa Grazia), de Gianni Zanasi, exibido na Quinzena dos Realizadores no Festival de Cannes 2018, Noite Mágica (Notti Magiche), o novo longa do consagrado Paolo Virzì, Euforia, filme de Valeria Golino, a emocionante história de Dafne, de Federico Bondi, Desafio de um Campeão de Leonardo D'Agostini e Bangla, de Phaim Bhuiyan, que acaba de receber o prêmio de Melhor Comédia Italiana de 2019 segundo os críticos italianos. 

 

Acesse a programação completa aqui


Linguagem: Cinema
Local: Cinema do Dragão
Dias: 15/08/19 às 14h00
         16/08/19 às 14h00
         17/08/19 às 14h00
         18/08/19 às 14h00
         19/08/19 às 14h00
         20/08/19 às 14h00
         21/08/19 às 14h00
Ingressos: R$ 14 - inteira e R$ 7 - meia
Classificação: Cada filme possui uma classificação específica
Ciclo Audiovisual de Saúde Mental

O quarto encontro do ciclo de atividades Audiovisual e Saúde Mental terá sua atenção voltada para a discussão e a prática que capacitem e encorajem pessoas interessadas na realização de curtas-metragens com o tema da Saúde Mental, sejam de forma coletiva ou individual, e com o uso de câmeras e microfones de smartphones. Faremos filmes!

 

Coordenação de Luiz Santos, com a exibição de seu curta-metragem Clientes e Amigos.


Ministrante: Luiz Santos (retratista fotográfico, cinevideofazedor, educador para o olhar,artista com tempo, autor de livros, coordenador de projetos culturais e editor)

 

Inscrição via formulário:  http://twixar.me/VSW1 

 

 


Linguagem: Formação
Local: Miniauditório do Museu da Cultura Cearense
Dias: 21/08/19 às 15h00
Ingressos: Gratuito
Classificação: Livre
D'Kebrada, Memórias de um Território e [Entre] lares

Instituto Katiana Pena IKP/ Corpo Mudança

 

D'Kebrada - Memórias de um território e [Entre] Lares,  é um projeto de pesquisa que investiga e desenvolve uma abordagem criativa a partir de experiências vividas na Favela, pelos artistas Katiana Pena, Anderson Carvalho e Lucas Linon. Desenvolvendo um trabalho coreográfico que aborda a dimensão sócio-política da vida nas favelas, os artistas propõem um reflexão sobre a a responsabilidade sócio-política do bairro Bom Jardim, trazendo memórias como ferramenta principal para narrar o agora, o antes e o depois.

 

 


Linguagem: Dança
Local: Teatro Dragão do Mar
Dias: 24/08/19 às 19h30
         25/08/19 às 19h30
         31/08/19 às 19h30
Ingressos: R$20 (inteira) R$ 10 (meia)
Classificação: Livre
Deslimites da Memória Ateliê aberto de fotopintura com Mestre Júlio Santos

O projeto Deslimites da Memória reúne os artistas Cyro Almeida (Belo Horizonte-MG) e Júlio Santos (Fortaleza-CE) e resultará numa exposição no Museu Mineiro e no Dragão do Mar a partir de fotografias de Cyro Almeida que serão colorizadas por Júlio Santos, utilizando a antiga técnica no cavalete, com pigmentos a óleo e pastel e as indumentárias próprias da fotopintura. O público poderá acompanhar o processo de confecção das obras que serão pintadas por mestre Júlio Santos no Ateliê de Artes do Centro Dragão do Mar, nos meses de agosto e setembro de 2019, mediante inscrição no local. Esta ação ocorre em parceria com o Programa de Fotopoéticas da Escola Porto Iracema das Artes. No dia 21 de agosto, às 19h, Cyro Almeida ministrará a aula aberta "Imagem e alteridade"; no auditório da Escola Porto Iracema das Artes. A atividade é gratuita e aberta ao público. 

 

Convidados: Cyro Almeida: (Araxá-MG, 1984) é fotógrafo documentarista, artista visual e professor de fotografia. Mestre em comunicação social e graduado em psicologia pela Universidade Federal de Minas Gerais. Dedica-se à figuração do território urbano nas periferias de Belém do Pará, pesquisa com a qual foi contemplado, em 2015, com o XV Prêmio Funarte Marc Ferrez de Fotografia. Em 2014 realizou a mostra individual Dandara, no Palácio das Artes, fruto de sua vivência na ocupação urbana de mesmo nome em Belo Horizonte. Publicou os livros Pequena rota do insuspeitável (2017) e Dandara (2014). Vive em Belo Horizonte.

 

Júlio Santos: (fotógrafo, mestre da fotopintura, foto pintor contemporâneo e digital, artista plástico, é considerado um dos maiores profissionais da fotopintura brasileira, com vasto conhecimento químico, histórico e digital da fotografia, seu trabalho é tido como um refinamento no conceito tradicional da técnica)

 

Inscrição no Local ; Classificação indicativa Livre

 


Linguagem: Formação
Local: Ateliê dos Museus (Praça Verde)
Dias: 27/08/19 às 14h30
         29/08/19 às 14h30
         03/09/19 às 14h30
         05/09/19 às 14h30
         10/09/19 às 14h30
Ingressos: Gratuito
Classificação: Livre
Conexões Museu: Memória, história e patrimônio - Experiências de pesquisa

Conexões Museu é um espaço de reflexão e trocas de estudos, saberes, pesquisas, práticas e experiências que contextualizam e ressignificam o campo museológico contemporâneo. A atividade acontece na última quarta-feira de cada mês, no horário de 16 h às 18 h, no Museu da Cultura Cearense.

 

Conexão Museu - Memória, história e patrimônio: experiências de pesquisa

A palestra refletirá sobre a importância das discussões acerca da memória, história e patrimônio nas pesquisas realizadas pela historiadora Patrícia Xavier, assim como no seu desenvolvimento profissional envolvendo educação, museus e patrimônio cultural.

 

Convidada: Patrícia Xavier é graduada em história pela UFC, Mestre em História Social pela PUC/SP e Mestre em Preservação do Patrimônio Cultural pelo Iphan/CE. Atualmente é coordenadora do Museu da Indústria.

 

Inscrição via formulário; http://twixar.me/kXW1 

 


 


Linguagem: Formação
Local: Anfiteatro do Dragão do Mar
Dias: 28/08/19 às 16h00
Ingressos: Gratuito
Classificação: Livre
Programa Rumos da Acessibilidade

O programa Rumos da Acessibilidade é um locus de reflexão e compartilhamento de conhecimentos, trajetórias, experiências, práticas e pesquisas sobre acessibilidade com o objetivo de favorecer o acesso aos bens, serviços e produtos culturais oferecidos pela

sociedade. A programação em distintos formatos (oficinas, palestras, exibição de vídeos, workshops, mostras) acontece nas últimas quintas-feiras de cada mês, no horário de 16h às 18h, no Museu da Cultura Cearense.

 

 


Linguagem: Debate
Local: Miniauditório do Museu da Cultura Cearense
Dias: 29/08/19 às 16h00
Ingressos: Gratuito
Classificação: Livre
Daíra Cantando Belchior

Turnê Nacional Amar e Mudar as Coisas

Daíra Saboia não canta por cantar. Ela canta para dizer: para contar histórias, para lembrar lugares, para explicar pessoas e revelar um retrato das mais belas paisagens sonoras do Brasil.  Cantora e atriz de Niterói, lançou seu seu primeiro disco Flor (jazz - MPB/ Selecionado no Prêmio da Música Brasileira) em 2014, e logo começou a buscar novas influências e se aprimorar como intérprete e como compositora.

Em 2016, foi convidada pelo diretor do selo Poraganté para gravar um disco com releituras de Belchior que gerou um belíssimo disco e show: Amar e mudar as coisas.

Através deste disco, se destacou entre os artistas do selo Porangareté, com seus vídeos no Youtube. O disco foi lançado em 2017, no Teatro Rival, no RJ. Com a morte de Belchior, Elba Ramalho - maior cantora representante deste sentimento nordestino - se encantou no YouTube por Daíra .  Elba a convidou para uma participação em seu show e - partir daí- cantaram juntas por diversas vezes à convite de Elba. Em sua trajetória Daíra colecionou parcerias e cantou ao lado de Jards Macalé, Danilo Caymmi, Arthur Verocai, Roberto Menescal, Eliane Elias (Nova York) Brian Blade(Miles Davis), Luiz Alves, Lula Galvão, Paulo Russo, Letícia Novaes (Letrux) a banda El Efecto, Chico Chico, entre outros.

Após excursionar por 08 capitais do Brasil cantando Belchior, Daíra se prepara para seu novo trabalho onde a profundidade das composições reflete diversos aspectos da nossa cultura atual.

 


Linguagem: Música
Local: Teatro Dragão do Mar
Dias: 30/08/19 às 19h30
Ingressos: R$ 40 (inteira) R$ 20 (meia)
Classificação: Livre
29o Cine Ceará - Mostra Olhar do Ceará

Mostra Olhar do Ceará (foto do filme Oceano. Dir. Amanda Pontes e Michelline Helena. Ficção. 2018.)

A Mostra Olhar do Ceará será composta por 20 filmes, sendo 17 curtas e três longas, com as mais diversas propostas fílmicas e temáticas. Do total, 11 são dirigidos ou têm a codireção de mulheres. Os três longas na mostra são: o documentário "Currais", de David Aguiar e Sabina Colares, e as ficções "Se arrependimento matasse", de Lília Moema Santana, e "Tremor iê", de Elena Meirelles e Lívia de Paiva. Dos 102 curtas cearenses inscritos no Festival, cinco estão na Competitiva Brasileira e 17 vão concorrer na Mostra Olhar do Ceará. São curtas que vêm dos mais variados espaços de realização da capital e do interior, de experientes produtoras locais ou da experimentação universitária. A curadoria da Mostra Olhar do Ceará foi feita por meio do trabalho conjunto da comissão da mostra de curtas-metragens, composta por Diego Benevides e Breno Reis, e da mostra de longas-metragens, pelos cineastas Wolney Oliveira e Margarita Hernandez.

Lista de Filmes

LONGAS-METRAGENS

Currais. Dir. David Aguiar e Sabina Colares. Documentário. 2019. 91min.

Se arrependimento matasse. Dir. Lília Moema Santana. Ficção. 2019. 109min.

Tremor iê. Dir. Elena Meirelles e Lívia de Paiva. Ficção. 2019. 89min.

 

CURTAS-METRAGENS

A família marrom. Dir. Natal Portela. Documentário. 2019.

A mulher da pele azul. Dir. Esther Arruda e Pedro Ulee. Documentário. 2019.

A primeira foto. Dir. Tiago Pedro. Documentário. 2019.

Aqueles dois. Dir. Émerson Maranhão. Documentário. 2018.

Caretas. Dir. Sara Parente. Documentário. 2019.

Deusa Olímpica. Dir. Emília Schramm, Jéssika Souza, Pedro Luís Viana e Rafael Brasileiro. Documentário. 2018.

Espavento. Dir. Ana Francelino. Ficção. 2019.

Grilhões. Dir. Lucas Inocêncio. Ficção. 2018.

Hoje teci imagens que me habitam há muito tempo. Dir. Nilo Rivas. Experimental. 2019.

Icarus. Dir. Vitor Rennan e Vitória Régia. Documentário. 2018.

Iracema mon amour. Dir. Cesar Teixeira. Ficção. 2018.

O bando sagrado. Dir. Breno Baptista. Ficção. 2019.

Oceano. Dir. Amanda Pontes e Michelline Helena. Ficção. 2018.

Onde a noite não adormece. Dir. Paolla Martins e Rodrigo Ferreira. Ficção. 2018.

Onde A cidade é comida, saudade é fome. Dir. Willian Ferreira. Experimental. 2019.

Revoada. Dir. Victor Costa Lopes. Ficção. 2019.

Veias de fogo. Dir. Carnaval no Inferno. Documentário. 2019.

 

Horários das Sessões: 14h30

Horário dos debates: 16h30


Linguagem: Cinema
Local: Cinema do Dragão
Dias: 31/08/19 às 14h30
         01/09/19 às 14h30
         02/09/19 às 14h30
         03/09/19 às 14h30
         04/09/19 às 14h30
Ingressos: Gratuito
Classificação: Verificar classificação de cada filme
  • Image
  • Image
  • Image
  • Image
  • Image
  • Image
  • Image
  • Image
  • Image
  • Image
  • Image
  • Image
PARCEIROS