PROGRAMAÇÃO
PROGRAMAÇÃO
Programação
Mostra Negritude Infinita

A programação da mostra é composta de mais de 60 filmes, entre curtas, médias e longas, divididos em 13 sessões dos dias 5 a 11 de dezembro. A divisão das sessões com as informações dos filmes estão aqui. Entre 5 e 7, teremos o seminário, com quatro mesas de conversas e duas masterclass, a relação das mesas e das convidadas podem ser vistas aqui. Já no dia 6/12 teremos a oficina O corpo LGBTQ negro no cinema contemporâneo com o realizador Bruno Victor, e nos dias 9 a 11 teremos a oficina Afroficção, ministrada pela realizadora Anti Ribeiro.


Linguagem: Mostra
Local: Múltiplos espaços
Dias: 06/12/19 às 14h30
         07/12/19 às 14h30
         08/12/19 às 15h00
         10/12/19 às 15h00
         11/12/19 às 15h00
Acesso Gratuito
Leituras no Dragão: Mucuripe: Boca, corpo e alma - Aristides de Oliveira

"Mucuripe: Boca, Corpo e Alma é um poema" que tem uma mulher no centro da questão da narrativa para falar de outras mulheres e meninas que vivem nas cercanias do mar nas cidades litorâneas do Brasil. Através da fala de Aurélia três vozes surgem no decorrer da narrativa, aquilo que seria a fala, da boca, a fala do corpo e a fala da alma. E a partir do que dizem essas vozes de Aurélia as camadas do texto se apresentam, levando os que tomam contato com o texto questionar se o que se diz ali é aquilo mesmo ou se é um refolho da alma da personagem.


Linguagem: Literatura
Local: Praça Almirante Saldanha
Dias: 06/12/19 às 19h00
         13/12/19 às 19h00
Acesso Gratuito
Classificação: 18 anos
Teatro Infantil - D. Menina - K?Os Coletivo

A vida de D. Menina é cuidar das suas plantas e animais. Seu maior pesadelo é saber que pode perdê-los. O espetáculo é uma representação do palhaço Pipiu que transforma a realidade em sonho, mostrando a vida de D. Menina.


Linguagem: Teatro
Local: Teatro Dragão do Mar
Dias: 07/12/19 às 17h00
         08/12/19 às 17h00
         21/12/19 às 17h00
         22/12/19 às 17h00
         28/12/19 às 17h00
         29/12/19 às 17h00
Ingressos: R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia)
Classificação: Livre
Leituras no Dragão: Sabor e Arte em Dona Flor e seus dois maridos - Larissa Ribeiro e Rebeka Lúcio

Sensações, sabores e prazeres estão relacionados à comida. Nos entrecruzamentos linguísticos, as fronteiras são múltiplas. "Sabor e Arte em Dona Flor e seus dois maridos" convida o público à observar e saborear esta obra de Jorge Amado em suas nuances culinárias.

 

*Dia 07, no Auditório e dia 14, na Arena Dragão do Mar


Linguagem: Literatura
Local: Múltiplos espaços
Dias: 07/12/19 às 18h30
         14/12/19 às 18h30
Acesso Gratuito
Classificação: 10 anos
Dança Experimental: Fruta cor + Dança-Douro + Desenho Animado

Frutacor - Cia Rebentos de Danças

O Frutacor assume a objetificação do corpo da Mulher como marcador de investigação resultante da relação estética do corpo feminino à Frutas. Pensar em poéticas de dança configuradas nas cores, aromas e texturas do/s corpo/s feminino/s, especificamente na mulher cearense e interiorana, nos rostos da mulher negra, indígena, operária, dona de casa, prostituta, invisibilizadas pelo sistema opressor e submissas pelo império dos "homens comedores". A obra alimenta-se do lugar performativo e político desses corpos pensando a objetificação como território de construções de narrativas femininas no campo da dança.

 

Dança-Douro - Grupo Nós de Dança

Dança-Douro passeia pelo território afetivo de histórias pessoais, de memórias coletivas e de personagens míticos de um rio cheio de marcas físicas e espirituais. O sufixo DOURO diz sobre um lugar de feitura, de experiência e de movimentos. Dançamos ás margens do rio, do Acaraú, que nos banha os olhos e travessias, e acaricia imaginários sobre o tempo, sobre as águas, sobre o castigo imposto pela e sobre a própria cidade em que vivermos. Sobral é cidade abrigo e desabrigo de um rio chamado Acaraú.

 

Desenho Animado - Renan Capivara

Desenho Animado é o laboratório de observação do corpo imaginando e desenhando dança, com elementos da improvisação e construção de narrativas. O trabalho se referência em elementos do Cavalo Marinho (dança tradicional originária da Zona da Mata nordestina), onde corpo e máscara fazem surgir uma dança que projeta uma realidade fictícia, uma aventura do corpo em cena. Aliás: aventura é o que experimenta o corpo ao dançar em cena ou nas festas da cidade, situações estratégicas para observarmos nossos corpos brincando de ser outras coisas, construindo uma realidade fictícia pra si e, por desdobramento, também para o mundo. Desenho Animado é um solo de dança contemporânea em desenvolvimento.


Linguagem: Dança
Local: Teatro Dragão do Mar
Dias: 07/12/19 às 20h00
         08/12/19 às 20h00
         21/12/19 às 20h00
         22/12/19 às 20h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Nas Ruas do Dragão - Meus 4 Aninhos: uma experiência cinético-visual

O espetáculo é um dos trabalhos das 10 Graças que colocam o grupo na perspectiva do fazer contemporâneo, levando o seu teatro de rua sob o olhar da performatividade, mas sem esquecer os seus elementos principais, o palhaço e o jogo. Desde 2016 o grupo vem circulando em diversos espaço provocando fissuras e sendo provocado sobre esse fazer que atravessa vários lugares e tem a rua como um local de encontro, uma mesa, uma festa de aniversário e a celebração.

 

Partindo de uma "tradicional" festa de aniversário e dos seus elementos imagéticos, provocamos a suspensão, mesmo que momentânea, dos significados e sentidos dos espaços habituais e das ordens de convivência marcadas por uma suposta harmonia social. Pela criação de estados utópicos, mas, ao mesmo tempo, políticos, onde possamos estabelecer espaços de desejo, reforçar laços do nosso bando.

 


Linguagem: Teatro
Local: Praça Almirante Saldanha
Dias: 07/12/19 às 20h00
         08/12/19 às 19h00
         28/12/19 às 19h00
         29/12/19 às 19h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Brincando e Pintando no Dragão

Sob a orientação de monitores, uma série de jogos, pinturas, brincadeiras e outras atividades são oferecidas às crianças.


Linguagem: Infantil
Local: Praça Verde
Dias: 08/12/19 às 16h00
         15/12/19 às 16h00
         22/12/19 às 16h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Fuxico no Dragão

 Feirinha diferenciada que reúne, a cada edição, vinte expositores de produtos criativos em design, moda e gastronomia.


Linguagem: Feira
Local: Arena Dragão do Mar
Dias: 08/12/19 às 16h00
         15/12/19 às 16h00
         22/12/19 às 16h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Contação de Histórias: Histórias que o povo conta - Renê Rodrigues

As histórias que são contadas aqui e ali, muitas vezes se transformam em cordéis e causos. A contação se baseia nessas histórias, das quais as vezes dá até um medinho, mas também arrancam umas boas risadas. Os contadores vem trazer algumas dessas histórias " No sítio da minha avó", "Enganador da Morte" e o " Romance das Caveiras" são algumas delas, contadas e cantadas em muitas varandas deste país.


Linguagem: Contação de Histórias
Local: Praça Verde
Dias: 08/12/19 às 17h00
         15/12/19 às 17h00
Acesso Gratuito
Classificação: 10 anos
Leituras no Dragão: Ana Miranda - Releituras - Carlinhos Perdigão

Carlinhos Perdigão realiza a aula dramática "Ana Miranda - Releituras", na qual ele analisa diversos pontos desta escritora. Dentre os quais, a valorização da literatura brasileira, o amor como fonte de dor e/ou prazer, a infância e as reflexões temporais dela advindas, as lembranças, palavras e gestos registrados na memória, mostrando o sentimento de exílio e perda de origens e raízes da autora.


Linguagem: Literatura
Local: Auditório do Dragão do Mar
Dias: 08/12/19 às 17h00
         15/12/19 às 17h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Domingo no Circo - Ser Tão Palhaços

A Cia Lamparim faz uma homenagem a todos os palhaços do Brasil com o espetáculo Ser Tão PALHAÇOS, reunindo vários números clássicos de circo em um só espetáculo. Sempre em um tom aberto ao contato direto com o público, o jogo e o improviso, os palhaços Bom Birom, Kabuki, Talyso trabalham para públicos de todas as idades. De inúmeras formas, o quarteto trabalha para atrair a atenção dos espectadores, valendo-se do que tem de mais especial para mostrar a magia do olhar ingênuo e estúpido do palhaço, transitando pela sensibilidade da criança e a malícia do humor brasileiro.


Linguagem: Circo
Local: Praça Verde
Dias: 08/12/19 às 18h00
         15/12/19 às 18h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Fuxico Musical - Banzo Nordestino

Banzo Nordestino é um show de homenagem ao repertório clássico nordestino. A canção da saudade. Banzo representa o sofrimento de todo ser que é retirado de seu lar. Banzo (do quimbundo mbanza, "aldeia") era como se chamava o sentimento de melancolia em relação à terra natal e de aversão à privação da liberdade praticada contra a população negra no Brasil na época da Diáspora africana. Foi também uma prática comum de resistência à escravidão. A prática do banzo era uma forma de protesto caracterizado como uma greve de fome. Também eram comuns, como forma de resistência na época, a prática do suicídio, do aborto, do infanticídio, das fugas individuais e coletivas e a formação de quilombo. O trio formado por Gustavo Portela, Samuel Furtado e Aldenor Paiva foi iniciado uma busca minuciosa sobre a música de origem africana que deixou marcas fortes por toda a América Latina até chegar no Nordeste. 


Linguagem: Música
Local: Arena Dragão do Mar
Dias: 08/12/19 às 18h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Novo Som: Márcio Muamba + Show Deixa eu Viajar

Márcio Muamba

Márcio Muamba é cantor, compositor, natural de Fortaleza, artista do mundo. Lançou este ano de 2019 dois singles,"A Dança" e "Flamboyant"; e vem apresentando seu mais novo show batizado de "Transição", que representa um ciclo que se encerra para outro que se inicia. O Show conta com composições do seu primeiro trabalho que passeiam pelos ritmos nordestinos e afro brasileiro e músicas do seu novo EP que trazem influências que vão do reggae, rock à música eletrônica.

 

Show Deixa eu viajar

O projeto tem como proposta, fazer releituras de músicas já consagradas no cancioneiro popular brasileiro bem como músicas da cena atual independente no ritmo swingado e malemolente do reggae. Com uma pegada bem dançante e carregada de boas vibrações. Formada por Jessica Cisne (vocais), Marlos Vieira (Guitarra), Raul Xavier (baixo) e Gegê Teófilo (Bateria).


Linguagem: Música
Local: Espaço Rogaciano Leite Filho
Dias: 08/12/19 às 19h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Lançamento de Disco - Banda Thrunda - Show Não é que eu vou fazer igual, eu vou fazer pior

A banda de Hard Core cearense Thrunda, prestes a completar 20 anos de existência, lança seu quarto álbum, intitulado de "Não é que eu vou fazer igual, eu vou fazer pior". O disco é uma homenagem a bandas do underground nordestino, em sua grande maioria cearenses, que influenciaram o grupo desde antes sua existência. São versões de músicas de bandas que marcaram história em casas de shows, calouradas e porões do Rock n' Roll local, algumas já extintas, outras ainda em atividade, são elas: Full Time Rockers, Pastel de Miolos - BA, Benihana, Infame, Glauco King and The Werst Wolves, The Good Garden, Facada, Mercado Negro, Jumentaparida, Deturbação, Infame e Obskure. Além da execução do disco na íntegra, a banda ainda irá tocar um apanhado de suas músicas autorais ao longo desses quase 20 anos.


Linguagem: Música
Local: Anfiteatro do Dragão do Mar
Dias: 08/12/19 às 20h00
Acesso Gratuito
Classificação: 12 anos
Projeto Siri-Ará: Abertura das Exposições

18h30 - Intervenção Rotas Régis Amora com performance de Marília Oliveira

19h - Festa com Dj Kinas


Linguagem: Artes Visuais
Local: Varanda dos Museus
Dias: 10/12/19 às 18h30
Acesso Gratuito
Leituras no Dragão: Sarau Palavra e Resistência

Com 70 minutos de duração o Sarau Palavra e Resistência tem como disparadores os artistas Edivaldo Ferrer, Igor Cândido e Felipe Firmino, com poesias autorais e um arenal de ideias os três abrem a roda e o microfone para quem quiser somar. Depois da primeira edição os artistas tem circulado por diversos saraus e slams da cidade tendo a poesia marginal e os seus cotidianos transformados em pura potência, afirmando que periferia é porrada, mas também é argumento.


Linguagem: Literatura
Local: Arena Dragão do Mar
Dias: 11/12/19 às 19h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Mostra O Cinema de Hong Sang-Soo: A repetição da vida

A "Mostra Hong Sang-soo: A repetição da Vida" é uma produção Praia à Noite e co-produção Bordo Filmes, que exibirá oito longas-metragens do cineasta sul-coreano Hong Sango-soo. Com curadoria de Samuel Brasileiro, Isabel Veiga e Vitor Medeiros, a proposta se propõe em trazer filmes que já foram exibidos em Fortaleza e produção inéditas do diretor. Ele já dirigiu mais de 20 filmes, que foram exibidos em importantes festivais do mundo como Festival de Cannes, Festival de Berlim e Festival de Locarno. As exibições ocorrerão no Cinema do Dragão do Mar entre os dias 12 e 18 de dezembro. As sessões serão gratuitas e a Mostra também contará com rodas de conversa para discutir dramaturgia a partir dos filmes exibidos.


Linguagem: Cinema
Local: Cinema do Dragão
Dias: 12/12/19 às 18h00
         13/12/19 às 18h00
         14/12/19 às 18h00
         15/12/19 às 18h00
         16/12/19 às 18h00
         17/12/19 às 18h00
         18/12/19 às 18h00
Acesso Gratuito
Classificação: 16 anos
Leituras no Dragão: Afrosarau - Alécio Fernandes

Afrosarau é uma feijoada preta em que a arte e cultura negra-favelada-urbana serão os temperos. Por meio de um sarau aberto que estimula a troca das expressões artísticas, o momento será proposto como um disparo poético urbano de encontros e que interliga resistências.


Linguagem: Literatura
Local: Arena Dragão do Mar
Dias: 12/12/19 às 19h00
Acesso Gratuito
Polifonias - Pedro Falcão & Sertônica Band + Banda Freud Explica

Pedro Falcão & Sertônica Band - Show Tecnologia Orgânica

Da salsa ao baião, do pop às emboladas de côco, do litoral às entranhas do sertão, surge primeiro projeto autoral do compositor Pedro Falcão, com o título do primeiro CD parido e nomeado como Tecnologia Orgânica. O projeto O "Tecnologia Orgânica" propõe unidade sonora entre as raízes do nordeste, com timbres orgânicos e arranjos sintetizados. Dá ênfase a interpretação do compositor, que trata da capacidade humana de recriar e se reinventar. Com carisma e qualidade na pegada nordestina, "Pedro Falcão e Sertônica Band" estão aí para conquistar os ouvidos de quem está disposto a ressignificar a música brasileira nordestina. Nessa levada, os músicos vão mostrando o seu talento, caracterizando a música brasileira. Por que Tecnologia Orgânica? Em meados de 2014, Pedro desenvolveu a ideia do disco "Tecnologia Orgânica", quando ainda estudava Engenharia Civil em Mossoró/RN. Circundando o universo das Ciências Exatas e a liquidez da Arte Musical, o projeto mescla os dois universos. O título também pode ser definido como um alto conceito que o compositor recriou para a humanidade - sendo uma fábrica de sentimentos, sonhos, amor, ódio e medo -. O disco será ligado à sustentabilidade, onde o compositor além de citar em sua poesia a vegetação nordestina, também elabora um plano de plantio de mudas arbóreas, na tentativa de amenizar os impactos para a produção do seu disco.

 

Banda Freud Explica - Show Músicas para Sofrer e Dançar

A Banda sobralense Freud Explica apresenta show com canções autorais fruto de uma trajetória que renasce em 2014. Sempre com letras influenciadas por temas oriundos da psicanálise como a Histeria e a Obsessão, a banda canta os altos e baixos do amor, a dinâmica dos relacionamentos com suas alegrias e dores. Tudo isso com ritmos e influências diversas de cada integrante da banda: desde o Brega que foi o estilo e motivo principal do seu início, até a música Pop nacional e internacional que é influência geral para seus membros. Junte-se a isso o carisma e malemolência característicos da banda sobre o palco, onde interpreta suas canções de um modo divertido e cheio de malícia. Todas as letras são baseadas em fatos reais.

 

*A entrada será gratuita, mas é necessária a impressão do ingresso, que deve ser feita por AQUI.


Linguagem: Música
Local: Anfiteatro do Dragão do Mar
Dias: 14/12/19 às 20h00
         26/12/19 às 20h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Fuxico Musical - Grupo Graúnos - Show Samba pras moças

Dança, movimento, luz, cor, sensualidade. O som do Brasil é repleto de imagens vibrantes, coloridos sonoros, pé no chão, poeira que levanta. Atravessamos este universo entre cocos, lundus e maxixes, que cantam a pele, a cor e o lúbrico. Dizendo a africanidade, soltando-se em maracatus e sambas, cantando xotes e folias, trazendo novos rituais. Dentro deste balaio cabe maxixe, lundu, samba de roda. Cabe o Brasil ouvido em ritmo, melodia e instrumentação. Cabe o quadril solta, as mãos dançando em palmas, as pernas girando em roda. Cabe toda a cor, som e movimento de nossa música que não se pode dizer sem dança, sem grito, sem alegria.


Linguagem: Música
Local: Arena Dragão do Mar
Dias: 15/12/19 às 18h00
Acesso Gratuito
Polifonias: Siege of Hate + Jack the Joker + Backdrop Falls

Siege of Hate - Show de Divulgação do Livro Em Rota de Colisão - Coletânea das turnês da SOH

Show de Rock com músicas autorais dos 04 CDs e do EP em vinil da banda Siege Of Hate, apresentadas nas turnês no Brasil, América do Sul e Europa que a banda realizou entre 2009 e 2016, cujas histórias são contadas no livro Em Rota de Colisão, um lançamento inédito de uma banda de Rock cearense, unindo literatura e música na cultura Rock, disseminando e fortalecendo a cena Rock autoral do Estado.

 

Jack The Joker - Show Mors Volta Circulando

Nesse projeto, a banda circula para divulgar seu disco Mors Volta, mas apresenta repertório dos dois discos podendo ter até 90 minutos de duração. A temática apresentada para esse show contorna as diversas maneiras de se encarar um tema que todos somos relutantes ao lidar. O Jack The Joker dispõe de um sistema de som moderno e inovador levado pela banda, para entregar com maior qualidade possível seu som ao público, e levando para cima do palco, a experiência de todo o detalhamento possível da gravação de um disco, o que torna o show muito mais imersivo.

 

Backdrop Falls

Com letras sinceras e um som punk rock enérgico, a Backdrop Falls é um quarteto brasileiro formado em 2014 na cidade de Fortaleza. Sendo um projeto de estúdio idealizado pelo vocalista e compositor Matheus Collyer, foi realmente se tornar uma banda em 2016 com o lançamento do seu primeiro EP e deu seus primeiros passos abrindo para bandas de grande renome na cena musical nacional. Depois de algumas mudanças, atualmente a banda é formado por Matheus Collyer (voz e guitarra), Rafael Neutral (guitarra), Erick Medina (baixo) e Roger Capone (bateria) e agora trabalham em seu primeiro álbum intitulado "There's no such place as home" (Não existe lugar com o lar), que será lançado ainda em 2018.


Linguagem: Música
Local: Anfiteatro do Dragão do Mar
Dias: 15/12/19 às 19h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Novo Som: Trupe Realejo

Trupe Realejo - Show Menestréis

A Trupe Realejo, traz para o Centro Cultural Dragão do Mar,seu show "Menestréis", inspirado na cultural popular e recheado por ritmos tradicionais brasileiros, maracatu cearense, coco, baião, samba e outros. O show traz canções de compositores cearenses e do cancioneiro popular em uma roupagem lúdica destinada a todos os públicos, cantando o universo da cultura popular nordestina.


Linguagem: Música
Local: Espaço Rogaciano Leite Filho
Dias: 15/12/19 às 19h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Concerto de Natal de Fortaleza

O Núcleo de Produções Culturais e Esportivas - NUPROCE visando contribuir para a popularização da música nos segmentos coral, instrumental e erudita e proporcionar à população cearense momentos de conexão com o espírito de natal realiza o Concerto de Natal de Fortaleza. São apresentações musicais com repertório de canções natalinas, eruditas e instrumentais que propiciam momentos de introspecção, magia e suavidade ao público.

 

Apresentações: Orquestra Estrela da Serra, Maribanda, Coral Moenda de Canto, Quinteto de Sopros Alberto Nepomuceno, Coral da Universidade sem Fronteiras e Coral e Orquestra Infantil Casa de Vovó Dedé.


Linguagem: Música
Local: Anfiteatro do Dragão do Mar
Dias: 17/12/19 às 19h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Polifonias: Costura Fina + Patativando

Costura Fina 

Makito Vieira é Músico, Multi-Instrumentista, Compositor, Arranjador e Brincante. Vem desde 2000 mergulhando no o universo da música, estudou com grandes nomes da música cearense: Tarcisio Sardinha, Liduino Pitombeira, Alfredo Barros. Em seu show "Costura Fina", traz o canto, a rabeca e a viola caipira acompanhado por Raul Porfírio (violão e guitarra) Ednar Pinho (baixo) Jefersson Portela (percussão) e Igor Ribeiro (bateria e percussão). A costura entre culturas junto ao corpo brincante traz um resultado fino e moderno reunindo o tradicional com o contemporâneo.

 

Patativando

Fundado em 1974, o Quinteto Agreste afirma seus alicerces na música popular nordestina, sempre em diálogo criativo com o SER do mundo. Caracterizado por um grupo vocal que se acompanha de seus próprios instrumentos, o grupo, nesses 40 anos, lançou três discos e inúmeros espetáculos. Em 2018, apresenta "Patativando", um espetáculo musical em homenagem ao grande poeta cearense Patativa do Assaré.


Linguagem: Música
Local: Anfiteatro do Dragão do Mar
Dias: 19/12/19 às 20h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Polifonias: Marta Aurélia + Astronauta Marinho

Acesa - Marta Aurélia

Nascido do desejo de Aurélia investigar os vários territórios de sua voz, seu som e sua poesia, Acesa é um álbum orgânico e representa um dos momentos que marcam as experimentações e improvisações da cantora com os músicos-parceiros Eric Barbosa, Ayrton Pessoa e Eduardo Escarpinelli realizadas entre estúdio, palco e sala de ensaio. Embora mantenha matrizes sonoras registradas no disco, o show dá continuidade ao processo investigativo da artista, que também transita entre o som e a cena, e resulta em novas criações durante a exibição.

 

Astronauta Marinho

Formada em 2011, a Astronauta Marinho teve intensa atuação no cenário musical de Fortaleza. Além realizar dezenas de shows, o grupo também integrou projetos de criação no Porto Iracema das Artes, no Porto Dragão, dentre outros. Após a publicação do seu terceiro álbum, Perspecta (2018), de turnês regionais no nordeste e no sudeste do país, os integrantes voltaram seus esforços para outros projetos. No fim de 2019 entretanto, o grupo realiza o lançamento de um single inédito, contando com um conjunto de apresentações que também contarão com músicas dos demais trabalhos da banda.


Linguagem: Música
Local: Teatro Dragão do Mar
Dias: 20/12/19 às 19h00
Acesso Gratuito
Classificação: 10 anos
Dragão Instrumental - Grupo Lágrimas da PS - Show Brasileirinho - O choro contemporâneo do meu Brasil

O grupo Lágrimas da PS além de mostrar um caráter didático das apresentações também traz consigo a ideia da formação, Como proposta de trabalho, há, para além do mero entretenimento, a ideia de que suas apresentações sejam grandes momentos de difusão e fomento do conhecimento em Música. Assim, o repertório apresentado, composto essencialmente por choros.


Linguagem: Música
Local: Arena Dragão do Mar
Dias: 20/12/19 às 19h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre

Notice: iconv(): Detected an illegal character in input string in D:\Inetpub\vhosts\dragaodomar.org.br\httpdocs\package\core\class.Utils.php on line 394
Polifonias: Água de Quartinha + Zéis

Água de Quartinha - Show Novo Arrebol

A banda Água de Quartinha apresenta o show "Novo Arrebol", um passeio pelos dois discos do grupo, "Desconserto" e a "Casa Labirintítica" além de apresentar músicas inéditas que irão compor o terceiro álbum da banda, proporcionando ao público uma sonoridade urbana, um passeio pelas diversas linguagens do rock e da música brasileira, onde a poesia dialoga pelo imaginário popular.

 

Zéis - Show De Preto em Blues

Zéis apresenta o show "De Preto em Blue", executando músicas presentes no seu primeiro disco solo, além de canções inéditas de sua autoria. Seu álbum, produzido na Mocker Discos, é composto 100% de músicas autorais, contando com as parcerias de Janio Florêncio, Berg Menezes, Gigi Castro e Andrezão GDS na criação de algumas canções presentes no disco. O álbum recebeu boas críticas da imprensa local e também de mídias especializadas em música e contou ainda com grande apoio do público que contribuiu com o disco através de campanha de financiamento coletivo. No show Zéis explora sua versatilidade com músicas que apresentam forte influência de ritmos brasileiros mesclados ao som de sintetizadores e efeitos. Em formato de power trio e contando com o uso de samples, "De Preto em Blue" é um show poético e contagiante, repleto de críticas sociais, ironias, questões existenciais e também mensagem positiva.


Linguagem: Música
Local: Anfiteatro do Dragão do Mar
Dias: 20/12/19 às 20h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Novo Som: Thayza Alencar + Jota

Thayza Alencar - Cansei de Ser Romântica

Cansei de Ser Romântica é um show autoral no qual Thayza Alencar apresenta, em forma de música e poesia, com voz e violão, sua visão sobre amor e feminismo. A ideia é defender que o tão famoso termo "empoderamento" se materializa na experiência corporal. Assim, o desejo e o prazer das mulheres, historicamente negados, são abordados nas músicas no sentido de transgressão do ideário romântico, que prega a monogamia e a submissão como padrões inquestionáveis.

 

Jota - Um Novo Dia Todo Dia

O show "Um Novo Dia Todo Dia" é uma mensagem de amor e compreensão do mundo do outro. A apresentação traz todas as canções que compõem o álbum de estreia do cantor e compositor cearense JOTA. Contendo a essência do Folk e influências de estilos como baião, valsa e surf music, o disco tem como maior objetivo trazer paz e a tranquilidade.


Linguagem: Música
Local: Espaço Rogaciano Leite Filho
Dias: 21/12/19 às 18h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Polifonias: Karine Alexandrino + Isabel Gueixa

25 anos de Solidão e Arte em Karine Alexandrino

O show "25 anos de Solidão e Arte em Karine Alexandrino" passa a limpo a carreira da cantora, evidenciando ao público a visão caleidoscópica da artista e suas referências que perpassam desde o cinema, artes visuais à música propriamente dita, está em recorte particular que denotam o apuro técnico e esmero com a visualidade de suas canções, explicitando o bojo referencial das décadas de 50 e 60.

 

Isabel Gueixa - Show Vem se libertar

Isabel Gueixa utiliza a música para levar mensagens positivas, empoderamento feminino, respeito, liberdade, felicidade, igualdade de gênero, social e racial e luta contra a LGBTQFobia. Mas não deixa de escrever também sobre as coisas do coração. Suas músicas sempre trazem mensagens de reflexão, seja no empoderamento feminino e LGBTQ, seja em músicas mais convencionais. As influências de Isabel Gueixa são bem ecléticas, mas sempre voltadas ao Hip Hop, ela tem influências de grandes referências nacionais e internacionais como: Negra li, Fernanda Abreu, Christina Aguilera, Anastacia, Missy Elliot, Eve, Nicki Minaj, Sade, Alicia Keys, e India.Arie. Gueixa traz um show autoral dançante, vibrante. Dentro do cenário musical de Fortaleza se destaca por expressar estilos da Black Music com uma poesia de empoderamento. O show conta com backing vocal e performances únicas, oferecendo ao público um espetáculo visual e sonoro.


Linguagem: Música
Local: Anfiteatro do Dragão do Mar
Dias: 21/12/19 às 20h00
         22/12/19 às 20h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Polifonias: Patativando

Fundado em 1974, o Quinteto Agreste afirma seus alicerces na música popular nordestina, sempre em diálogo criativo com o SER do mundo. Caracterizado por um grupo vocal que se acompanha de seus próprios instrumentos, o grupo, nesses 40 anos, lançou três discos e inúmeros espetáculos. Em 2018, apresenta "Patativando", um espetáculo musical em homenagem ao grande poeta cearense Patativa do Assaré.


Linguagem: Música
Local: Espaço Rogaciano Leite Filho
Dias: 22/12/19 às 18h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Quinta com Dança: Receitas de baião e outros pratos

Corpos-sementes-sementeiras, conspirações subversivas espalhadas na vagina da terra-mulher. Corpos singulares-plurais em transmutação instantânea e efêmera, territórios férteis que agregam anseios, reconectam ancestralidades, friccionam afetos e conclamam para engajamentos emergentes. Corpos-ingredientes, anúncio de um baião de gente cozido por muitos! Compostos infinitos de possibilidades dançantes que se atravessam na panela, geram pratos inéditos ainda não apreciados e receitas ainda não descritas.

 

Nessa obra a Cia Balé Baião de Itapipoca CE, se propõe compartilhar das suas receitas inacabadas de dança contemporAncestral, experimentos desenvolvidos ao longo dos seus 25 anos de história no interior do Ceará em conexão com o mundo, legados resistentes-inquietos em constante reinvenção.

 


Linguagem: Dança
Local: Teatro Dragão do Mar
Dias: 26/12/19 às 20h00
         27/12/19 às 20h00
         28/12/19 às 20h00
         29/12/19 às 20h00
Ingressos: R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia)
Classificação: 14 anos
Polifonias: Eric Barbosa + Ivan Timbó

Eric Barbosa - Show Percurso Instalativo Sonoro: Confinamento

Eric Barbosa apresenta - Percurso Instalativo Sonoro: Confinamento - um ensaio sonoro em formato de apresentação (concerto) que traz perspectivas de hibridismo em suas formas de linguagens e expressões artísticas. No repertório composto pelos álbuns que o artista produziu, compôs e produziu - ecos de experimentalismo, rock, psicodelia, canções, performances e sinestesias sonoras.

 

Ivan Timbó - Show Muzik maker

Muzik maker é o terceiro álbum do instrumentista e produtor musical Ivan Timbó. Inspirado no future beats, o disco apresenta um recorte de sessões livres realizadas dentro do estúdio SEPASSANDO rec. As sessões foram gravadas entre os meses de outubro e dezembro de 2017. O álbum passeia por diversos subgêneros da música eletrônica contemporânea em sete temas instrumentais. A sonoridade do álbum é composta por sintetizadores, samplers e baterias eletrônicas, que geram batidas envolventes e harmonias ambientais. Nas performances ao vivo, Timbó leva seu estúdio para os palcos. Suas ferramentas de produção musical permitem que ele abra suas sessões de gravações em múltiplas pistas, possibilitando o controle total do sistema de som, tornando-o vivo, reprocessando suas produções e tocando sintetizadores e samplers simultaneamente, tornando cada performance única, com bastante espaço para o improviso e a experimentação, tendo como base o repertório de seu novo álbum.


Linguagem: Música
Local: Anfiteatro do Dragão do Mar
Dias: 27/12/19 às 20h00
Acesso Gratuito
Classificação: Livre
Polifonias: Casa de Velho + Dudé Casado

Casa de Velho

Casa de Velho, criada em 2015, une a música popular brasileira, o rock 'n roll, os elementos da cultura jovem e o teatro de bonecos, algo que foge da disposição tradicional de uma apresentação musical, fazendo com que seja criado outra forma de diálogo com o público, onde as estéticas sonoras e imagéticas pensadas potencializam a dramaturgia do show cênico da banda.

 

Dudé Casado - Show Saudade é uma Cela

Dudé mescla a agressividade do rock and roll setentista com as influências dos grandes poetas regionais, buscando assumir ludicamente várias identidades e transformar as histórias de suas poesias em canções vibrantes. Seja na visão de um suicida, no delírio de alguém que se apaixona por um fantasma ou na pele de um cangaceiro, Dudé vive a história de cada um dos seus personagens através do som.


Linguagem: Música
Local: Anfiteatro do Dragão do Mar
Dias: 28/12/19 às 20h00
         29/12/19 às 20h00
Acesso Gratuito
Classificação: 10 anos
PARCEIROS